jusbrasil.com.br
5 de Abril de 2020

Supremo cancela expediente devido a manifestações em Brasília

Agência Brasil
Publicado por Agência Brasil
há 7 anos

Débora Zampier

Repórter da Agência Brasil

Brasília O Supremo Tribunal Federal (STF) encerrou mais cedo o expediente hoje (20) devido às manifestações programadas para esta tarde em Brasília. Segundo as redes sociais, são aguardadas 65 mil pessoas. Em comunicado emitido por ordem do presidente Joaquim Barbosa, o STF determinou a interrupção dos trabalhos às 17h. A sessão desta tarde também acabou mais cedo e não houve o intervalo, como de costume.

O diretor-geral da Secretaria do Supremo Tribunal Federal, de ordem do excelentíssimo presidente, em face das manifestações programadas para esta data, na Esplanada dos Ministérios, comunica a todos os servidores que o expediente encerrar-se-á às 17h, diz o comunicado, assinado pelo diretor-geral Miguel Augusto Fonseca de Campos.

O próprio presidente do Supremo, ministro Joaquim Barbosa, deixou a Corte mais cedo nesta tarde, por volta das 15h30. Segundo a assessoria dele, o ministro tinha compromisso médico no Rio de Janeiro. Ontem (19), Barbosa foi abordado por jornalistas para emitir opinião sobre os protestos, mas preferiu não comentá-los.

O STF fica na Praça dos Três Poderes, juntamente com o Congresso Nacional e o Palácio do Planalto. Na manifestação da última segunda-feira (17) os manifestantes se concentraram no Congresso e poucos se aproximaram do Supremo.

Edição: Nádia Franco

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. É necessário apenas dar crédito à Agência Brasil

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)